quinta-feira, 14 de abril de 2011

Três Corações entre os dez municípios brasileiros com maior índice de acidentes de trânsito, em 2008

Cidade mineira lidera ranking de mortes no trânsito

Cinco municípios de Minas estão entre os dez do Brasil com maior taxa de óbitos causados por automóveis


Cinco municípios de Minas Gerais estão entre os dez do país com maior taxa de mortes causadas por automóveis. Prata, a 621 quilômetros de Belo Horizonte, no Triângulo Mineiro, lidera no número de óbitos no trânsito no país. A cidade registrou em 2008 uma taxa de 86,6 por 100 mil habitantes. O estudo faz parte do Mapa da Violência, do Instituto Sangari, divulgado ontem em Brasília.

A taxa de mortes de Minas Gerais por 100 mil habitantes nos acidentes causados por automóveis foi de 8,3, enquanto a nacional foi de 5,5. Foram 1.261 mortes no Estado em 2008. O estado de São Paulo, que tem uma frota de automóveis 30% maior que a de Minas, a quantidade de mortes chegou a 1.596, o que representa uma taxa de 4,4 por 100 mil habitantes.

Os outros municípios com maior taxa de mortes causadas por automóveis são Gurupi (GO), com 45,7, Três Corações, no Sul de Minas, 42,7, Manhuaçu, na Zona da Mata (40,8), Francisco Sá, com 38,8 e Salinas, 33,7.

O pesquisador responsável pelo estudo, Julio Jacobo afirma que em dez anos, o número de motociclistas mortos em acidentes de trânsito aumentou 754%. Em 1998 foram 1.047 mortes de motociclistas no país. Em 2008, esse número subiu para 8.939 mortes. O pesquisador responsável pelo estudo, Julio Jacobo, atribui o aumento da mortalidade de motociclistas ao crescimento da frota na última década, que foi de 368,8%. “Há 30 anos, as motos representavam uma parcela praticamente insignificante do total de veículos. Era visto como um artigo de luxo e era inacessível à população. A partir da década de 90, houve a popularização das motocicletas, afirmou”.

No ano de 2008 foram 695 mortes de motociclistas em Minas Gerais, uma taxa 4,5 por 100 mil habitantes. A nacional foi de 6,0. Por outro lado, no Estado 818 pessoas morreram atropeladas e 109 em acidentes envolvendo bicicletas. Os números também são do ano de 2008.


Quer saber mais? Clique no seguinte LINK:

http://www.destakjornal.com.br/readContent.aspx?id=14,93908 

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial